Estatutário

Author: Henrique Alvez / Marcadores:

É pedra bruta
Alquebra resistente
Fortaleza dissoluta
Opaco reluzente

Instrumento inexorável
Mão nua
Sem arma palpável
Esperança
Vã usança tua

Acaso é o amorfo rosto
Emergente desgosto
Pois figura legítima
Conserva-se Latente

Agora choro, pobre vítima
Estatutário impotente
Aceito-a maldita sina
Abandono a face que se esconde
Como cômoro em neblina

Deito-me sobre os seixos
Folgados motejantes
Aguardando o desfecho
Retorsão cruciante

Nobre seja novo ofício
Retângulo entalhado
Crava-se em solo sagrado
Aguardando futuro exício



Henrique Alvez

39 comentários:

Rogerio disse...

belas palavras...uma poema com palavras precisas...

bia santos disse...

Algumas palavras são muito pouco usadas. Confesso que tive que pegar o dicionário."Vivendo e aprendendo". Mas nada que tire a beleza do poema. Parabéns!

Raomi Pani disse...

me senti pedra, porém vivo. muito bom. ;x

In Barlow disse...

e eu que pensava que escrevia alguma coisa!
seu texto é muito rico em palavras.
que realmente necessita de dicionarios.
parabens

Horácio Leal ° disse...

É MUITO IMPORTANTE MANTER UM BLOG COM UMA CARA PRÓPRIA COM IDEIAS PRÓPRIAS, E O SEU TEM ISSO.

PARABÉNS!!

NÃO DIVULGAVA MEU BLOG, MAS AGORA VOU FAZER ISSO, QUER ME AJUDAR?

ABRAÇO!!!

Mari Fagundes disse...

Lindo, lindo!
parabéns!

Natália Pedroso disse...

amei, você descreve bem o que quer passar e suas palavras tocam de alguma maneira o interior de quem o lê! Parabéns! Estou seguindo seu blog! grande beijo.

Natália

jadenadaf disse...

É sempre assim, no começo tudo brilhante.
Só no começo.
Interessante seu uso de palavras, aheahsiuahue

http://jadenadaf.blogspot.com/

Gabriel V. N. disse...

Bom gosto em contemporâneidade. Você é um daqueles que apenas ratifica a cultura presente nos jovens brasileiros!

Nina disse...

Você redige muito bem!
Eu amo as pessoas que gostam de ler, como eu.
Achei mais um que me identifiquei nesse mundo virtual. Eba! Não somos únicos, ainda. Risos...

Abração e já está favoritado, para eu sempre conferir suas atualizações.

Abraço e sucesso sempre.
Meu twitter preferido, agora.

Dê uma passada no meu e comente, se quiser. Seria uma honra.

Obrigada
Aline Godoy

Naty disse...

Que lindo!Ameiiiii
Parabéns!

Ação e Arte e Único uma criação de Allan Ruy disse...

muito bom !!! parabéns!!!
visite: http://acaoeartehqs.blogspot.com/

. disse...

nossa, seu blog é muito bom, encontrei ao acaso numa divulgação. gostei muito mesmo. parabéns.

Lerminer disse...

Muito bom o texto. Foi você que escreveu?

Victor Pagani disse...

Ah, Deus! Esses blogueiros humilham haha Parabéns, cara! :) Sucesso a você e ao blog

[]'s

neriojunior disse...

Existem blogs que para fazer um comentário você precisa pensar mais que o autor da postagem. esse foi um deles pois achei muito bom seus textos, li mais de 1. Apesar de leigo no assunto, creio que você ten talento para escrever.
Muito sucesso!

Made in Brasil disse...

Po, muito talento cara, vc escreve muito bem =)

Parabens, da uma olhadinha no meu blog tbm ? preciso de opniões (=

~> http://minbr.blogspot.com/

Karla Hack disse...

Bem intenso e intimista...
Gostei!

;D

Carlinha disse...

Pow... bem diferente essa postagem!
Parabens pelo blog!

Caroline Sampaio disse...

Um tremendo escritor!
To seguindo
http://noitesroubadas.blogspot.com/
aparece lá no meu
beijo!

Matheus disse...

Bom poema foi você que fez?

Vanda Ferreira disse...

Talvez tenha interpretado de forma errada, mas o que vejo é alguém que se mostra forte, mas que no fundo, num local isolado, se mostra o mais frágil dos seres.

Acho lindo a forma como foi colocado no poema. Lindo seu blog! Adorei realmente esse "ser de pedra que no fundo tem coração"

Parabéns pelo blog. Estou te seguindo!

Vanda Ferreira: http://vanda-ferreira.blogspot.com

Mark disse...

Gostei muito, não se tem muito a falar sobre as reflexões que um poema nos causam.

♫ Angélica ♥ Kawai ♪ disse...

Adorei teu poema! Palavras fortes... devo estar interpretando muito mal, mas me parece a mente de um... assassino?


O_O; help

Mayara Moraes disse...

Você possui um dom que pouca gente têm, suas palavras são lindas. Seguindo.

Nanda Belém disse...

Parabéns pelo poema! Muito bacana! Confesso ue não sou amante dos poemas... amooooooo ler, mas sou mais chegada em romances! Já até tentei também me arriscar na arte dos poemas, mas só foi um! É muito difícil... tem que ser muito bom para fazer e vc tem o dom! Parabéns! :)

Rogerio disse...

belo poema...com umas palavras dificies rsrsrs...tive que ver no dicionário algumas...eee
mas isso não tira a beleza do poema...

joão victor borges disse...

Se algum dia eu for construir uma estátua, vou inovar colocando por dentro da uma camada oca um coração humano, que vivo ou não estará lá dentro mesmo assim. Impotente talvez, o que não o diferencia muito de nós que nascemos com sangue nas veias.

-aliás, as vezes desconfio que você tem um volp sempre ao seu lado quando escreve esses textos, haha-

Abraço! ;)

http://anpulheta.blogspot.com

Nina disse...

Ei! Sei que já comentei nesse post, mas vim aqui somente para te avisar que estou fazendo um sorteio de um livro para todos os leitores do meu blog. Posso contar com sua participação.
http://assuntosdenina.blogspot.com/
É só acessar e deixar sua opinião.

Abraço

T.S. Frank disse...

Uau! Gostei muito. Tem algo que me lembra um pouco Augusto dos Anjos... Mais com mais doçura. Um desses blogs que se destacam dos outros.

Vou seguir.

T.S. Frank
www.cafequenteesherlock.blogspot.com

Kiko Lemos disse...

muito bom, gostei de verdade.

parabéns :D

Bersebah disse...

Grande Henrique!

Tudo tranquilo contigo?

Rapaz, tem algum tempo que não passa em meu espaço, e fico pensando por um momento se acabei me equivocando em algum comentário, tendo escrito algo que possa ter de alguma forma lhe ofendido.

Se ocorreu desta forma, peço desculpas, e lhe digo que não foi de maneira alguma proposital, pois admiro seu espaço, e o conteudo que coloca aqui.

Uau!! Suas composições ganham cada vez mais lapidação e poliez.
Afinal, tem incorporado em seus escritos palavras que me fogem o vocabulario, as quais remotam a famosos escritores antigos, e que apesar de algumas ter de se buscar o significado, trazem encanto, e impacto ao ler as mesmas.

Eu diria, pelo que compreendi deste complexo escrito, que tudo se reflete no drama existencial humano, e sua capacidade, nem sempre muito bem apreciada, ou reconhecida.

Bom meu amigo, vou seguindo, quando puder ficarei contente em receber suas opiniões em um espaço que procurei melhorar bastante esses tempos.

Um grande abraço

Bersebah

Bersebah disse...

Fiquei muito contente em ler seu comentário no blog Henrique, pois como havia sumido, fiquei mesmo um pouco preocupado se havia escrito algo equivocado.

Obrigado pelas observações em meu blog.
Na verdade eu também não tenho muita afinidade como aquele jogo, o considero dificil, e o sistema não é dos que mais aprecio. Porem como tem um amigo meu que aprecia bastante, fiz para ele como pedido de aniversário.

Quanto a luta do bem contra o mal, isso é algo presente realmente em nossos dia a dia, e acredito ira durar até o final deles, por isso precisamos nos manter firmes, e vigilantes.

Então é isso meu amigo, fico aguardando nova postagem sua para poder saborear mais um de seus textos muito bem elaborados.

Um grande abraço!

Bersebah

joão victor borges disse...

Criei um selo próprio pra repassar aos blogs que realmente admiro nesse Natal... embora você tenha sumido, teu blog continua nos meus favoritos dos favoritos. Espero que goste.

ps: o selo não tem número de blogs a ser repassado não, o objetivo é justamente repassá-lo só a quem você realmente gosta e admira... se não houver ninguém, é ficar a vontade para não repassar haha =)

Grande abraço e Feliz Natal!

selo: http://bit.ly/fcyyLF

leonel disse...

Ser poeta é usar as palavras raras ou as palavras mais usuais.... parabens pelo blog... gostei meu grande poeta....Leonel

susana disse...

Rapaz, fazia tempo que eu nao aparecia por aqui...

pra falar serio, nem lembrava mais.
Estava olhando os blogs q eu sigo e então vi o seu..

Como sempre, vc e suas dezenas de comentarios...


O pessoal ja disse tudo né? Tá ótimo!

Abraço!

Jeniffer Haddad disse...

Falar que você escreve muito, é pouco para mim. Já pensou em ser escritor ou compositor? Porque, cara se você fazer musica ou escrever um livro, você sem duvida faz sucesso!

Smoker Sam disse...

blog esta muito bom brother
Os poemas são demais
continue assim

Kyanne Carvalho disse...

mais uma vez arrazou!

Postar um comentário

Evitem enviar o link do seu blog junto com o comentário, e principalmente coisas como: "visite meu blog + link".... Faça isso e não haverá visita.

Pages