Vitral

Author: Henrique Alvez / Marcadores:


Penso, logo existo
Existo, logo sinto
Sinto, logo sofro
Sofro, logo minto
Minto, logo morro

Morro logo durmo
Durmo logo sonho
Sonho logo viajo
Viajo logo o encontro

E ao encontrar-te
logo o vejo
Rosto de vitral
Multicolor
Da cor da minha dor
Multiforme
De minha vida, meu senhor

E é ao contemplar a hórrida superfície
Que percebo o quão incógnito é o ser
O quão lúcido é o sofrer
E o quão desnecessário é o viver

Pois se a vida é feita de boas lembranças
Quando o verei em meio a flores
Nesse tempo sem valores
Onde para sempre se foi a esperança?
Que recordações trago comigo?
E que se vê nesse espelho de cores?
Apenas cores.

Mas de que adianta as cores
Se sozinhas se encontram?
Seu terno contexto foi perdido
Seu desejo foi para sempre rompido
E para nada mais podem dar qualquer sentido.

É nesse rosto
Rosto de vitral
Janela multicolor
Mas sem nenhuma cor
Que apenas enxergo a escuridão
De uma vida perdida
Que mesmo envolta à cores
Só consegue aguardar a própria partida.

Por: Henrique Alvez

65 comentários:

Tascio disse...

o começo do texto é simplesmente perfeito! vc soube como adequar o resto dele ao começo , e assim fez um texto digno de uma boa leitura, e de um bom pensar tbm...parabéns!

Fer Werner disse...

Nossa, muito gostoso de ler seu texto. parabéns.

Eye disse...

Parabéns pelo blog. Já adorei mesmo sem ler o primeiro texto. Só a sua apresentação já deixa claro a qualidade do todo. Isso sim podemos chamar de blog e não esse monte de endereços que o pessoal costuma intitular de tal.

Vanda Ferreira disse...

Lindo blog!!! Adoreiiii tudo o que li!
Sempre que puder estarei por aqui dando uma conferida nas novas atualizações

Sucesso no seu blog viu!!!!

Estou te seguindo!


Vanda Ferreira: http://vanda-ferreira.blogspot.com/

Iara disse...

''Durmo logo sonho
Sonho logo viajo'' Bem eu!
Parabéns adorei o texto, adorei o blog, :D

/+/ Rafael /+/ disse...

Fodão o começo do texto, champs.

Yorrana Barbosa disse...

Começo do texto simplesmente perfeito ;D
Muito bom , o resto nem preciso falar . ÓTIMO .
Adorei , muito bom se der ler.
Parabéns, pelos textos que eu li.
;D

Henrique! disse...

Penso, logo existo
Existo, logo sinto
Sinto, logo sofro
Sofro, logo minto
Minto, logo morro

Mto bom

FILhote disse...

foi vc mesmo que escreveu isso?!
muito ben feito
parabens

Soluções Blogs disse...

filosofico1

Gigante Colorado disse...

Hehe, futebol é uma arte, ser torcedor então...
Mas PALAVRAS é a fonte das artes, ou uma delas...
Teu texto (acima) é interessante, são todos teus?
To seguindo, cada um com sua paixão e seus interesses, é legal.
:*

César disse...

Cara, que blog mais perfeito..sua interface é maravilhosa, parabéns.
Ah, o poema ficou legal.

Tomie de Lins Dubeux disse...

pow cara que coisa bonita!!!

Esse inicilzinhoooo


seguindo viu

Neuro-Musical disse...

Poema legal. Bem reflexivo e acho que descreve todo o ser humano.

http://cerebro-musical.blogspot.com

Arash Gitzcam disse...

Esse mundo é mesmo um local de passagem.

Cássio disse...

Muito bom mesmo o poema!Uma influência de Descartes, por falar nele, já leu "Discurso do método"?
É bem interessante!
http://sprechstdu.blogspot.com/

Communique disse...

lindo texto, tu tens dom para escrever! Aproveite este dom!


www.communiquebr.blogspot.com

A fórmula da informação

Henrique Dias disse...

Gostei..inspirador
xD

- Rεnata Alvεs disse...

Puxa! muito bom :)

May Ribeiro disse...

Ual, parabéns. Texto maravilhoso!
Seguirei o blog para acompanhar seus textos.

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Bela magia poética você tem, isto se aprimora a cada dia...

Poesias-Franciéle R.Machado disse...

Tudo o que você escreve é inspirador, já li outras poesias suas e também gostei, e o começo ficou muito bom, o final principalmente.

Parabéns pelo seu talento! =)

Boa Noite!

Rafael Queiroz disse...

MUITO LOCO.

gostei da postagem cara, voce escreve muito bem!

parabéns.

Fica A Dica disse...

preciso falar que li o texto, mas o que chamou a minha atenção mesmo foi essa imagem *-*
ta bacanaaaa tudo aqui

Luan Silva disse...

que inicio sem igual. simplesmente d+.. parabens

Thiago Batticelli disse...

O texto tá realmente muito bom, bem legal, eu só não entendo porque a fascinação de todo mundo pela dor, pelo sofrimento... Aff..

gavrielalon disse...

bom texto, inspirador!!
d+ [2]
parabéns

reh disse...

como todo mundo já disse..

ótimoo texto..
muitoo boom..

continuee assin'. =)

Martthyn'S disse...

a dinamica do otimo e otima
bela escrita parabens

Erzsébet disse...

Bom o poema, tem bom ritmo e um belo jogo de palavras... Parabéns pelo blog.

iMarty Turbo disse...

otimo texto

Nath Ataíde disse...

Parabéns vc escreve muito bem,e tem muito talento
estou te seguindo ;**

Evelyne V. Nami disse...

Texto excelente, que consegue descrever uma grande parte da vida de todos.
Parabéns!!!

Wy disse...

Nossa, dificil acreditar que vc só tem 16 anos!
Escreve muito bem e usando muito bem as palavras.
Não tenho muita sensibilidade para entender poemas, mas gostei muito da leitura. Mesmo.

Data Clipe! por Conrado Cooper disse...

eu morro de preguiça de ler alguns textos mas adorei o seu q ta la no topo falando sobre a preguiça e a falta do habito de ler das pessoas, rs

L.A disse...

otimo blog, parabens ;

Adriano disse...

texto bom...
blog bem organizado... vou seguir...

abrçs

Danilo LaGuardia disse...

Honestamente não sou muito bom com poesias. Sou bastante sincero em dizer que sou um ignorante no quesito.

Mas tenho que reconhecer...

As três primeiras estrofes ficaram espetaculares. Difícil explicar, mas achei algo que consegue ser direto e ao mesmo tempo ficar subentendido.

Parabéns. Caso ainda não o tenha feito, publique-as em papel. Talento suficiente pra isso tem.

www.canhotoshumanos.blogspot.com

Art =] disse...

muito bom
digno de shakespeare (?)
hahah

Nah disse...

Adorei o jogo de palavras! Parabéns :D

Macaco Pipi disse...

vitral da esperança
vitral dos nossos dias

David Wanderson disse...

Uma combinação perfeita de palavras!
Parabéns!

Pierre disse...

nossa bem legal o seu blog cara! parabens!
tou te seguindo então me segue também se não paro de te seguir !

O Judeu Ateu disse...

Sinceramente......1º blog de poesia que eu gostei......e eu já li muitos.

Parabéns ótimo texto.

Hudson disse...

Gostei do seu estilo, mto bom o blog, ótimos poemas.



http://alemdofisico.blogspot.com/

Geisla Abreu . disse...

Só o começo do texto, ja me fez ficar euforica pra termina de ler, escreve muiito beem ,
Boa sorte, com o blog, e com seus otimos textos (yn)

Malu Attaque disse...

Sou péssima para comentar poemas. Nunca sei o que dizer, e para falar a verdade, acho que um poema não é para ser comentado, e sim, para ser sentido.
Gostei muito do seu estilo, e embora eu não tenha nada para falar do conteúdo escrito, eu li sim, viu?! haha
Ótimo blog, estou seguindo!
Um beijo!

http://lanternadealhures.blogspot.com

Xan disse...

realmente foi vc q escreveu isso?

olhe o meu:
www.madrugando.net

Nicole Costa disse...

Estou muito admirada pelo seu blog, eu ainda estou começando, e me apaixonei pelo seu.

Luiz Brisa disse...

muito bem escrito
vc escreve bem
seguindo
^^

http://vagalnerdkawai.blogspot.com/

Rodrigo disse...

Vitral, Belissimo poema! Será que tens a dimensão de que seus poemas precisam ser protegidos para eternidade? Sem sombra de dúvida já faz parte dos blog que seguirem e que terei o prazer de ler e refletir...Outra coisa, obrigado pela visita e comentário ao meu blog. Estou tendo o prazer de ter os meus "rabiscos" comentandos por ferassssss. www.filosofiadeliquidificador.blogspot.com

Anônimo disse...

Henriqueee!
você me assusta com a sua escrita.
quero ver agora o texto comparando a mulher no romantismo com a mulher do realismo :D

marina

Lorena P. disse...

Fiquei de boca aberta aqui. Simplesmente amei!

Francorebel disse...

Maravilhoso o seu vitral... que imagem linda... abraço!

Niko Travesso disse...

gostei velho!
profundo e legal!
mas vem ka,eh um homem?
http://nikomoska.blogspot.com

joão victor borges disse...

você humilha. não tenho mais nada a dizer sobre nada nesse blog!

http://anpulheta.blogspot.com

Óbvio e Atual disse...

Nossa, estou fascinada nos seus textos. Fiquei pensando em qual comentar (todos?) , então escolhi esse.
Não sei o motivo ao certo, acho que as cores do vitral me animaram.
Belissimo trabalho, parabéns.

Pedro XD disse...

Legal esse texto, Gostei! um dos melhores que vi em blogs até hj!

Spin de Hádrons disse...

ABREVIANDO O PRIMEIRO ESTROFE "PENSO...LOGO MORRO" QUE LEGAL, GOSTEI BASTANTE.

Tomaz C Frausino disse...

Adorei o poema... uma sonoridade excelente... e também achei muito bom o modo como a amplitude das frases varia no decorrer das estrofes...
Automaticamente recebemos um ritmo de leitura que não podemos ignorar... e isso não é fácil de conseguir...
Eu também tenho um blog onde divulgo meus escritos... dá uma olhada depois... se vc gostar nós podemos fazer uma parceria...
http://literaturandoomundo.blogspot.com/

Pedro XD disse...

nem sabia q esse sweria meu 2º comentario no seu blog

Mas Gostei do seu blog!

Luiz Brisa disse...

gostei a imagem eh linda
o poema muito bom
tevia atualiza mais seu blog
xD

Sílvia Soares disse...

Bonito poema. Abrange o infinito mesmo mostrando o seu vazio! É simples mas completo! Muito bom! =)

Karla Hack disse...

Achei a analogia maravilhosamente perfeita!
Adorei!
;D

Anônimo disse...

HENRIQUE, NAUM PRESCISA SER UM ADOLESCENTE PERFREITO, PARA SER UM.
O QUE BASTA É VC SABER SE DIVERTIR COMO UM, E VC ESTA DE PARABENS, SEUS POEMAS SAO OTIMOS, CONTINUE ASSIM, A PERFEIÇÃO ANDA AO SEU LADO.
:)

Postar um comentário

Evitem enviar o link do seu blog junto com o comentário, e principalmente coisas como: "visite meu blog + link".... Faça isso e não haverá visita.

Pages